Sierra Cantabria Seleccioón 2018

PDFImprimirEmail
Espanha (Rioja) - Tinto
Classificação: Ainda não foi avaliado
Ano de Colheita: 2018
Grau Alcoólico: 13,5%
Castas: Tempranillo
Garrafa: 750ml
Enólogo: Marcos Eguren
Prémios: 90 pts Kuper

Preço:
7,45 €
Descrição

Entre as suas propriedades de maior prestígio, destaca-se La Veguilla, 10 hectares com abundância de rochedos, plantados com Tempranillo e uma pequena proporção de Viura e Malvasia. Depois de uma criteriosa selecção das suas vinhas, que produzem naturalmente apenas 2 ou 3 cachos, uma vindima artesanal e um envelhecimento meticuloso, obtém-se o prestigiado Amâncio.

Por sua vez, outra importante propriedade para a vinícola, El Bosque, está plantada com a variedade Tempranillo e tem uma área de 1,5 hectares de solo argilo-arenoso com grande abundância de seixos e vestígios de aluvião.

A viticultura, tradicional, assenta na cultura dos seus antepassados e respeita o meio ambiente, mas actualizada e aperfeiçoada com as técnicas actuais. Isso se caracteriza pela total ausência de inseticidas e herbicidas, pelo uso de cobre e enxofre e pela fertilização orgânica, o que torna comum a presença de flora e fauna nativas em seus vinhedos.

Sob a premissa de obter grandes vinhos de vinhedos únicos, os irmãos Eguren começaram a trabalhar duro nas propriedades La Llana, Los Terreros, Jararte, El Bosque e La Veguilla, de onde nasceram vinhos carismáticos como Sierra Cantabria Cuvée, Sierra Cantabria Organza. Coleção Privada Sierra Cantabria, Finca El Bosque e Amancio.

Estes vinhos são o resultado da selecção mais meticulosa dos cachos, em muitos casos desengaçados à mão e pisados da forma tradicional para obter uma extracção mais suave. Com algumas vinhas treliçadas, a vindima é efectuada de forma selectiva à mão, seleccionando os melhores frutos e eliminando possíveis cachos que não se encontram em perfeitas condições de maturação, utilizando caixas de apenas 20 quilos.

No caso da Finca El Bosque e Amancio, uma vez que os cachos chegam à adega, são desengaçados manualmente e todos os frutos são analisados, grão a grão, para seleccionar os melhores bagos. A fermentação alcoólica em cubas de inox e a fermentação maloláctica em cubas de aço, ou em barricas de carvalho no caso dos vinhos de gama alta, completam o processo antes do envelhecimento.

Vermelho rubi brilhante com uma boa camada. Aroma intenso, complexo e quente no nariz, com um bouquet elegante de envelhecimento e uma vasta gama de sensações bem reunidas, percebendo-se as notas de fruta fresca e madura, combinadas com notas de especiarias, baunilha e tosta. Na boca é aveludado, complexo e cheio, desenvolvendo fortemente notas de frutos vermelhos maduros. Boa estrutura e equilíbrio tânico, poderoso e elegante. No final de boca, as notas de torrado, baunilha e leves toques balsâmicos são fortemente apreciadas, com destaque para as sensações de frutas vermelhas. Final longo e persistente.
 

Um dos melhores que já provei em Rioja em vinhos jovens. Mesmo sendo Oak, com muito mais caráter do que alguns Crianza.

 

 

 

 

 

Comentários

Ainda não há comentários para este produto.